Akt inhibitor

15/10/2020

Os inibidores de Akt, cujo primeiro medicamento da classe foi aprovado pela US Food and Drug Administration em 2019 para o tratamento do câncer de mama nos EUA e são usados para tratar vários outros tipos de câncer têm como alvo a proteína quinase B (Protein Kinase B ou PKB) — também conhecida como Akt.

A sigla Akt não se refere à sua função: "Ak" representa a linhagem murina AKR que apresenta linfomas espontâneos no timo; o "t" acrescentado representa "timoma".

Como o alvo terapêutico é a proteína quinase B e suas diferentes funções possibilitam o tratamento de outros tipos de câncer, fica a sugestão de usar uma nomenclatura que represente de fato os elementos do processo fisiológico em questão, ou seja, inibidores da proteína quinase B em vez de inibidor de Akt (que nem gênero tem).